DR’S rondaram a noite de festa do BBB18

A noite de quarta-feira (14) foi protagonizada pela festa Samba, porém o que era para ser só alegria para uns, não foi totalmente isso durante toda a noite. Claro que teve riso, teve dança, teve bebida, teve cantoria, teve todo mundo muito animado, menos Caruso e Diego, que logo no início da festa optaram por ficar sentado na varanda. E logo Patrícia que estava na pista dançando com os demais se reuniram a eles dizendo: “Sem vocês lá, não tem graça”.

Mas até aí tudo bem, tudo começou com Lucas e Jéssica novamente criando um clima. Quando começou a tocar a música “Oração”, Lucas começou a cantar junto com Jéssica, deixando algumas partes da música como indireta para a personaltrainer. No meio da canção Lucas diz para a sister “Coração não é uma aventura”, e logo em seguida Jéssica rebate “A vida é uma aventura”.

Eles trocam algumas palavras e a personaltrainer questiona: “O que é aventura para ti? Seguir as vontades?”. “Isso é aventura”, confirma ele. Ela se espanta com a resposta. “Então, a gente tem que seguir uma regra?”, insiste Jéssica. “Vontade dá e passa. Vontade não é sentimento”, responde Lucas.

Jéssica foi desabafar sobre a situação com Paula, e a colega de confinamento aconselha a sister “Segue o seu coração”. Jéssica concorda e afirma: “Eu tô seguindo, no sentido de que tôvivedo”.

Mas Jéssica não foi a única a pedir conselho, Lucas aproveitou para ir conversar sobre isso com Nayara. O rapaz começa contando “Há algumas aproximações com afeto e carinho, só que a pessoa vê como uma aventura, e você vê que não é uma aventura. Isso pode ter uma repercussão lá fora, você pode perder muita coisa”. Nayara que observa bastante conversou bastante com o rapaz, sobre isso e sobre diversos outros assuntos. Mas a jornalista acabou soltando que vários Brothers comentavam com maldade a relação dos dois. Chateado Lucas se despediu de Nayara e afirmou ir para a cama mais cedo.

Assustada com a reação do rapaz, Nayara conversa com Diego sobre o que aconteceu, e os dois vãos atrás de Lucas no quarto. A jornalista diz que foi conversar com o escritor sobre o papo que teve com o empresário e escuta. “Eu não estava bem por tudo como estava, a festa acabou para mim quando ela veio me falar, quando ela falou do Caruso. Ele não gostar de mim, não tem problema. Ele pode me chamar do que ele quiser, ele só não tem o direito de falar da minha noiva. Tem muita coisa em jogo”. O brother começa a chorar em meio às falas.

Ainda em meio às lágrimas o empresário continua: “Eu sei que eu tive muitas atitudes erradas aqui, e não tem como apagar o passado. Dancei, abracei, fiz… Eu entrei aqui, botei minha vida em jogo para estar aqui, e a minha noiva eu tenho certeza de que ela não vai estar mais lá. Ela tem todo o direito de não me querer mais”.

Outras DR’s da noite

Tudo começou com Ayrton conversando com Viegas e Wagner, questionando o motivo pelo qual as pessoas não lhe abraçavam. “O que eu fiz para as pessoas não quererem me abraçar? A idade conta”. O músico rebate: “Não é a impressão que tenho, mas é seu direito achar isso”. Ayrton continua: “As pessoas têm mais carinho com a Ana Clara porque ela é um pouco mais nova, eu entendo isso”.
Mas o papo não terminou por aí, Ayrton disse sentir-se rejeitado pela maioria: “Eu sinto uma rejeição muito grande aqui, por parte da maioria”. E com essa fala, Caruso entra na sala e se intromete na conversa, “Você acha isso? Tem gente confabulando voto toda hora”, cutuca.
Mas o pai não caiu nesse papo e vai logo dizendo: “Mas não comprando meu voto”. Mas Caruso, que sempre deixou claro sua rivalidade com o programador, continua “Você e sua filha jogam juntos”. E Ayrton não deixa a peteca cair: “Eu e minha filha, mas não combinando voto” e ainda questiona “Você já ouviu a gente combinar voto aqui? Você já viu a minha filha combinar voto com alguém?”. Caruso afirma já ter os visto combinando voto. E Ayrton é bem categórico “Não combina”.

Mas Caruso insiste no assunto dos votos, dizendo como a filha influência o pai de alguma forma na hora da votação. No entanto, Ayrton garante: “Eu posso te garantir que não. Até agora não me influenciou. Quem decidiu a maioria dos votos fui eu, pode acreditar”.

Mas a lavação de roupa suja continua entre Caruso e Ayrton na sala do bbb18. “A brincadeira sem ser intencional, ela machuca, ela ofende. Eu fiz uma brincadeira, cantei uma música e você já achou que era para você”, fala o publicitário.O pai de Ana Clara então se defende: “As pessoas me rotulam aqui de cara chato”. Mas Caruso confirma e alerta o programador: “Por isso que eu estou te falando. Muita gente te rotula só que não tem coragem de chegar para você e falar. Fica batendo a mão nas suas costas. Você não percebe isso. Abre os seus olhos”.

O acerto de contas entre os dois continuou por um longo tempo, e quando tudo acabou, momentos depois na pista da festa Caruso chegou a comentar da conversa com Ana Clara, filha de Ayrton e a mesma afirma “Que bom”. Mas faz um pedido para o publicitário “Eu quero falar com você amanhã. Porque tem coisas dos últimos dias que me incomodaram”.